Transporte para a Festa da Pinga - Paraty
Sábado - 17/08/2019 até Domingo - 18/08/2019






Há muito tempo atrás, a cachaça de Paraty tinha um sabor único e especial, o que fazia da cidade o maior e melhor centro produtor de bebida durante os períodos do Brasil colonial e imperial. Em 1.600, Paraty já exportava cachaça para a Europa e trocava escravos por aguardente vendendo-os em território brasileiro por ouro. A aguardente paratiense valia sete mil réis acima dos demais.

Existia 5 engenhos de açúcar e 87 engenhocas de fabricar aguardente. Hoje, são 7 engenhos que contam com equipamentos modernos, mas com a mesma tradição e formas de produção dos tempos coloniais.

Para celebrar a cachaça e outros produtos típicos de Paraty criou-se o Festival da Pinga e Produtos Típicos Caiçaras em 1982, pela associação comercial e industrial ACIP. A data escolhida (terceiro final de semana de agosto) teve a intenção de atrair turistas em um mês considerado de baixa demanda na cidade. Participaram do primeiro festival os engenhos “Quero essa”, “Vamos nessa”, “Corisco”, “Murycana”, “Maré alta”, “Antiqua”e “Fim do século”.

Em 2007, Paraty ganhou o IG da cachaça e o selo de identificação e autenticidadeda famosa cachaça paratiense. Ao longo dos anos, o Festival foi sendo organizado pelo ACIP, pela Secretaria de turismo e Cultura e pelo Instituto Histórico. Os proprietários dos engenhos surgiram com os concursos de drinks, o concurso de rainha dos engenhos e o desfile de tropas e cavalaria, além dos tradicionais shows de música (cirandas) e de MPB.

Dessa vez faremos um city tour pela cidade histórica de Paraty


TENHO INTERESSE IMPRIMIR



RECEBA NOSSAS OFERTAS

NOSSAS REDES SOCIAIS


Institucional

Sobre a Agência Aventureiros
Política de Privacidade
Termos e Condições de Uso

Política e Normas de Segurança
Relações com OInvestidores

Condiçõers Gerais de Contratação
Programe sua Viagem!

Sala de Imprensa
Fale Conosco

REVENDEDOR AUTORIZADO


Parceiros